Música, frequências e cérebro

Quando os sons são arrumados num padrão organizado de sons armônicos, o resultado é um tom. Os tons agradam nossos ouvidos de uma maneira como não conseguem fazer os sons de frequência única. Atrás de sua beleza, o que existe é simples aritmética. Consideremos todas as notas chamadas “Lá” existentes num teclado de piano. As duas oitavas fundidas do Lá abaixo do Dó médiotêm uma frequência de 110 ciclos por segundo (Hz). A frequência é duplicada de uma oitava para outra e, assim, numa oitava mais alta, a frequência é 220, depois 440, em seguida 880. Todos os múltiplos de uma frequência básica têm a mesma qualidade, a mesma “aura”. Mesmo para ouvidos não treinados, todos os “Lá” se parecem um com o outro e, da mesma forma, todos os Dó, Sol e Si bemol.

Como os tons musicais são construídos com sequências ordenadas de sons armônicos, cada nota é, na verdade, um acorde, e este percorre várias oitavas acima da frequência fundamental da nota. Mas nossos cérebros registram apenas uma única entidade. Isto acontece, um pouco, porque a maior parte da energia de um tom reside, geralmente, no fundamental, e um pouco porque o fundamental é escorado pelos demais importantes sons harmônicos. Quando o fundamental é um Lá, a qualidade de “ser Lá” é repetidas vezes reforçada, enquanto a nota é reproduzida cada oitava acima. Nossos cérebros sao muito mais aptos para identificar a natureza de um Lá do que para detectar em que oitava o Lá reside. Então, todo som harmônico que é um Lá tende a se fundir com o fundamental. Os sons harmônicos precisam estar em perfeito ajuste, para se fundirem adequadamente. Pesquisas de laboratório mostram, que quando um som harmônico mais baixo se desvia do seu tom perfeito, mesmo minimamente, ele se projeta de repente para fora e é ouvido como som separado.

Fonte: Robert Jourdain, Livro: “Música, Cérebro e Êxtase”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s