Provedor de internet não é mais obrigatório em acesso por banda larga

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) atualizou a regulamentação do acesso à internet pelo sistema de banda larga fixa.

Uma das principais mudanças é que os consumidores não serão mais obrigados a contratar provedores de internet para fazer a conexão.

Até agora, a contratação de provedores era exigida no caso da utilização de banda larga oferecida por operadoras de telefonia fixa com tecnologia ADSL.

A internet fixa de empresas de TV por assinatura, por exemplo, e a internet móvel, já não necessitavam de provedores.

A medida vem com anos de atraso, uma vez que os provedores desempenharam um papel importante na época da conexão discada, quando os usuários usavam um modem para discar para o número de acesso do provedor.

Hoje, segundo a Anatel, apenas 10% das conexões à internet no Brasil são feitas por linha discada.

Apesar de não ser obrigatório, quem quiser manter o pagamento a um provedor de conteúdo poderá fazê-lo.

“Os usuários poderão optar pela contratação de provedor de acesso à internet na medida de suas necessidades e interesses, valorizando o desenvolvimento de aplicações e a inovação, ferramentas tão importantes para o setor,” diz a nota da Anatel.

Fonte: Inovação Tecnológica

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s